França África do Sul

 A África do Sul, o país-sede, tinha o orgulho abalado pelos tropeços nas primeiras rodadas. A França, vice-campeã em 2006, foi ruindo jogo a jogo. Ainda assim, ambas chegaram à 3ª rodada com chances de classificação, mas dependiam de suas pernas e das pernas rivais. Era o típico duelo pela honra. O time da casa venceu, não avançou, mas saiu de campo com sentimento de dever cumprido.